Sexta de temporal


Hoje é sexta feira. Vai cair um temporal. Você devia ir embora, mas eu quero que você fique.
Não tem nada pra comer em casa. N-A-D-A. Mas, sempre tem leite condensado e chocolate em pó. E tem você. Então tem tudo.
Você abre a lata e já coloca um pouquinho no meu nariz. Ah, mas não vai ficar barato. Não mesmo.
Eu pego um pouco, e coloco na sua bochecha, mas você já me cercou, não tenho mais pra onde correr.
E você vai chegando perto. Já sinto sua respiração na minha. Meu coração bate tanto, que eu posso jurar que você também pode escutar. Será?
E de repente, nada mais importa. Não sei que dia é hoje, e nem se chove ou não. O tempo perde o sentido, mas a vida ganha um. E o meu filme de romance nada convencional começa.
Eu gosto do pouco. Gosto do seu perfume, modo como me abraça, do sorriso espontâneo, da segurança que seus olhos me passam e principalmente, do que você faz comigo. Ah sim. Mesmo sem fazer nada, pelo simples fato de pensar o seu nome, eu já fico arrepiada, e nervosa. O ar parece não existir mais e minha barriga tenta entender o que acontece. E tudo isso me deixa feliz, completa.
O brigadeiro ficou pronto. Tem como ser mais perfeito?

Pin It

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oi, tudo bem? Espero que você tenha gostado da postagem. Poxa, você chegou até aqui, que tal deixar um comentário com a sua opinião? Mas seja sempre positivo, comentários ofensivos serão apagados ok?
Se tiver um blog, deixa o link que eu visito de volta :)

Ah, e volte sempre hein?

Ps: se possível deixe seu link assim: Ka com K =)