O mistério do futuro do pretérito


Minha mãe sempre me diz que se for pra se arrepender, deve ser das coisas que eu fiz, e não das que eu deixei de fazer.
Eu sei bem a vida que eu tenho. Sei de cada caminho que eu escolhi, e como cada caminho me fez conhecer pessoas maravilhosas e como isso influenciou na minha vida. Mas, quantas vidas eu poderia ter vivido e não vivi?
Calma, não estou dizendo que teria sido melhor, e nem pior. Estou dizendo em termos de vida, oportunidades. Talvez elas tivessem me feito bem, talvez não. É um motivo aleatório que leva a outros mil acontecimentos.
O mistério do futuro do pretérito é tudo aquilo que não foi. As infinitas vidas que ficaram no passado. São as alternativas que não foram escolhidas no teste. Mas mesmo entre a infinidade de vidas que ficaram pra trás, tem as minhas favoritas.
Algumas, por determinados motivos que só a gente sabe, nunca teriam dado certo mesmo. Mas outras, sabemos que se tivessem dado certo, elas seriam certas até mesmo se fossem da vida presente, a que você escolheu.
Acontece que, de vez em quando, passa pela minha cabeça como seria se tudo tivesse sido diferente. Se tivesse dado certo com fulano, ou se eu não estivesse em determinado lugar na hora certa. Poder imaginar ele, do modo como eu quiser. São esses pequenos detalhes - imagináveis-, essas suposições, que fazem do mistério do futuro do pretérito algo tão fascinante.

Post dedicado à frase que nunca foi dita.

Pin It

Os pedidos de amor


De vez em quando, vendo aquela comédia romântica, ou lendo aquele livro de amor perfeito, bate um certo sonho de ver o amor fora da ficção, na realidade. Esses dias de TPM, encontrei uns vídeos super legais e criativos de pedidos de namoro e casamento. E realmente parece coisa de filme!

O amor é lindo sempre, mas não tem como não derreter depois de ver uns pedidos como esses:











O amor é realmente lindo né?

Pin It

O Instagram do Wood

Há uns meses atrás, me lembro de uma imagem que passou pelo feed do Facebook, sobre o Wood estar fotografando a comida japonesa dele pra colocar no instagram.
Essa, e várias outras, foram tiradas pelo Wellington Campos, e postadas por ele no instagram (@camposwell). Atualmente, o instagram dele é um dos mais seguidos, ganhando até da Oprah, da Alicia Keys e até do Obama. 

Mas também, como não se apaixonar? 












Pin It

On ou Off: de que lado você está?



E você? De que lado você está?

Pin It

Uma tarde um tanto quanto diferente


Ontem a tarde, fui em uma Festa do Sorvete um tanto quanto diferente!
Em São Paulo, é muito conhecida a festa do sorvete organizada pelos "Japoneses", mas a que eu fui ontem, era organizada por um Núcleo Bandeirante.
Tenho uma amiga Bandeirante, a Marina.
Quando eu era criança, não entendia bem o que era, mas hoje, depois de muito tempo eu aprendi!
Vou deixar a definição roubada do Blog da Ma e da Wikipédia:

"Bandeirantismo, é um movimento educacional que tem como missão de ajudar crianças e jovens a alcançarem o ápice do seu pontencial como responsáveis cidadãos do mundo, uma organização apolítica, sem fins lucrativos, com a participação de adultos voluntários, vivência do Código e da Promessa Bandeirantes, convivência e trabalho em equipe, aprender fazendo, auto-progressão, vida ao ar livre, expressão e simbolismo, convivência entre jovens e adultos e serviço na comunidade"

Bem legal né? 

Mas a festa que eu fui ontem, era do núcleo Bandeirante da Nate, uma amiga da Ma que eu conheci no Carnaval. Foi super divertido. (Além de ter sorvete a vontade! hahaha)
Os bandeirantes fizeram várias atividades, super divertidas. Até queria participar de algumas (eles são super receptivos, chamam quem quiser pra participar), mas eu não estava com roupas que podiam sujar bastante ou que me deixassem a vontade pra brincar. Da próxima vez vou com roupas esportivas. Me deu muita saudade de ser criança e me acabar de tanto brincar!



Só queria agradecer por essa tarde maravilhosa ao lado de vocês, seus lindos <3

Pin It

Last Friday Night!

Sexta passada, dia 22, rolou a 22ª Alphorria, a balada de Direito da PUC-SP.


No começo do mês, minha amiga Gabi fez aniversário e pediu pra que a gente fosse comemorar na Alphorria.
Vou muito pouco em baladas e festas universitárias. Acho que sou mais curtir uma boa reunião de amigos do que virar a noite na balada, mas de vez em quando é sempre saudável dançar um pouco fora de casa!
A festa aconteceu na The Week, que fica na Lapa e tem uma estrutura incrível: várias pistas de dança, inclusive uma ao ar livre, e tem até uma PISCINA dentro da balada! Fantástico! Além de uma segurança impecável: Saídas de emergência por todos os lados, e funcionários que além de não deixarem acontecer brigas na balada, na saída, pedem pra desbloquear o celular. (Para evitar furtos). Gostei bastante do local e do atendimento deles! Os Djs tocaram vários estilos de músicas, mas achei algumas bastante repetitivas. Mas de resto, foi tudo muito bom também!
A ntes de sair de casa, tirei algumas fotos:


Todas nós guardamos o celular na Chapelaria, mas fomos fotografadas lá na festa pelo Educarioca e pelo Salseiro:

(Assim que o Salseiro divulgar a foto eu posto aqui ok?)



Pin It

Playlist da Semana

A semana foi intensa: e corrida. Uma série de entregas na faculdade e vários passeios pra ir. Mas preferi escutar umas músicas mais fofas, calmas, antigas e um pouco nostalgicas também!

Skank - Mil Acasos


Goo Goo Dolls - Iris


The Calling - Wherever you will go


Legião Urbana - Eduardo e Mônica


Bright Eyes - First day of my life


Gostaram? E vocês? Quais músicas vocês escutaram essa semana? Comenta ai :)

Pin It

Promoção Intercâmbio Ci + Vagas.com


Ir pra Londres é um sonho. E eu estou participando de uma promoção pra estudar inglês lá!

E eu estou aqui pra pedir, pra vocês curtirem meu vídeo pra que eu continue na promoção!
O meu vídeo é esse: 

É super simples, só curtir o vídeo acima (Kamila Gomes de Oliveira) no link: http://www.facebook.com/vagascombr/app_522208184485727

Gente, é uma curtida, não demora nem um minuto, e me ajuda muito!
Curte ai por favor!

Eu sei que é super difícil ganhar uma promoção assim, mas, se eu não tentar, eu nunca vou ganhar! 

Pin It

Entre aspas


A gente pode imaginar que a capacidade de amar nasce pronta com cada um de nós, mas eu prefiro pensar que a vida é quem molda os nossos sentimentos. As relações em casa e no mundo influenciam, desde muito cedo, a nossa capacidade de sentir. Sentir medo, sentir amor, sentir tristeza e alegria. 

O tempo e o conhecimento melhoram a gente. Ao contrário das vidas passadas, a vida presente é mutável, melhorável e solucionável. Adorável também, de várias maneiras. De qualquer forma, tenho certeza que é a única, sem direito a segunda chance. É nosso direito, portanto, nosso dever na verdade, vivê-la da melhor forma possível – para nós e para os outros. 

( Ivan Martins )

Texto publicado na página do Desiludindo no Facebook.

Pin It

O dia que eu não vivi


10 de Maio de 2012

Eu estava sentada, esperando a aula de Bilogia do cursinho começar quando meu celular tocou com a notícia que mudaria a minha vida: eu tinha passado no vestibular pra arquitetura, e meu pai ia me matricular na faculdade no sábado seguinte.
A minha primeira reação foi de um minuto de silêncio, seguido de um "ok". Eu não quis receber os parabéns e muito menos saí por aí contando aos ventos. Não era esse o lugar dos meus sonhos. Eu queria estar na Federal. Na USP. No meu sonho, meu pai sentia orgulho de mim. Pelo menos uma vez.
A parte mais complicada de um sonho, é desistir dele. Ou talvez seria não desistir?
Em Julho, vou completar meu primeiro ano de faculdade. Amo meu curso. Mesmo com todas as dificuldades, não trocaria de curso por nada no mundo. Mas, viver com o peso na consciência de que eu devia ter ido atrás do meu sonho é bem complicado. Fora os mils que já foram gastos em mensalidade. Mas o que mais me deixa chateada quando penso nesse assunto, é pensar no dia que eu não vivi.
O dia que eu ficaria nervosa porque o resultado não saia, mas que na verdade as horas é que não passavam. O dia que eu sairia gritando pro mundo inteiro que eu consegui, com meu esforço a minha sonhada vaga. MINHA. O dia que eu receberia tinta de todo mundo. O dia que meu pai entraria no meu quarto, me daria um abraço e diria: "Parabéns filha, você conseguiu, eu tenho muito orgulho de você".

Mas talvez, eu ainda tenho esperanças de viver esse dia. Por mais difícil que seja. Por mais obstáculos que possam existir. Eu amo meu curso. Mas não me sinto parte da minha faculdade.É um mundo diferente do meu. Eu sinto que devia estar vivendo em outro sonho. E é nesse caminho que eu vou lutar pra conseguir.

E recomeça a minha jornada em busca de uma vaga numa Universidade Pública de Arquitetura.

Pin It

Ah, o Outono!



A época de folhas em vários tons de laranja, e um friozinho gostoso.
Um chocolate quente, filme bom, cobertor, um abraço apertado, e quem sabe um amor.

De todas, a mais linda, a melhor estação.

Vem com tudo Outono!

Pin It

Wishlist: Oh, Céus Store!


Encontrar roupas legais e com preço acessível no Brasil não é algo muito fácil. Já acho difícil pra mim, que moro na capital (onde tudo é muito caro!) e no interior as opções de loja são ainda menores. Até tenho amigos que viajam pra fora com certa frequência, mas é chato ficar pedindo pra eles trazerem as coisas pra gente sempre (Obrigada Carol pela paciência nos meus pedidos haha). E é agora que entra a internet e uma série de lojinhas super fofas e estilosas que tem na rede. Uma delas é a Oh, Céus Store.

Fiz uma lista das coisas que mais gostei, e já estou apaixonada:







E você? Tá esperando o que pra correr no site da Oh, céus Store e se apaixonar também? 

Pin It

Ciúme


ciúme 
ci.ú.me 
sm (lat vulg *zelumen1 Inquietação mental causada por suspeita ou receio de rivalidade no amor ou em outra aspiração. 2 Vigilância ansiosa ou suspeitosa nascida dessa inquietação. 3 Ressentimento invejoso contra um rival ou suposto rival mais eficiente ou mais bem-sucedido, ou contra o possessor de uma vantagem material ou intelectual cobiçada. Bot Arbusto asclepiadáceo, denominado também capulo-de-seda, flor-de-seda, bombardeira (Calotropis procera). Bot Arbusto asclepiadáceo (Calotropis gigantea).

(Segundo Dicionário Michaelis)


Você não pode. Não deve. Não quer. 
Não é um sentimento de posse (como poderia ser de posse se nem é meu?!), mas não é algo que passe despercebido. Muita coisa quer te tirar do sério. Você respira mais uma vez, conta até 10 bem devagar, e pronto. Voltou ao normal. Ninguém precisa saber o que se passou. O problema começa quando esse sentimento vai além do controlável, e um dia alguém chega e te fala as palavras que você sabe, mas não quer escutar por nada: "Você está com ciúmes".
Não sou dessas ciumentas de carteirinha. Passo infinitamente longe disso. E é exatamente onde eu escorrego. Logo eu, que nunca ia sentir ciúmes. 

Existe ciúmes sem querer? Sem querer que fosse com você, existe?

Pin It

MSN


Passa um tempo, talvez uns 15 minutos, e finalmente a janela laranja começa a chamar.
Era como uma regra que ninguém inventou: as nossas conversas jamais começariam com o habitual "oi, tudo bem?". Podia ser qualquer coisa, menos isso. Ele começa, como sempre, mas dessa vez não foi com uma música como costumava ser:
- Você lembra do dia que a gente se conheceu?
-O dia da Fazenda?
-Não, não to falando do dia da fazenda....to falando do dia da formatura da sua prima
-Ah, da formatura de Carol?

-Lembro de ter te visto, mas nós não conversamos.
-Antes de entrar na festa, eu já tinha te visto no portão.
Eu também te vi, a gente trocou os olhares por um segundo, você estava lindo de social
- Sério?
- Você tinha algo de diferente de todas as outras meninas que estavam lá
-Nossa hahah, tipo o que?
-Não sei, mas você tinha alguma coisa de diferente, talvez o jeito de andar, talvez por não ser de lá.. E eu? Você me achou diferente?
Lógico que achei
-Ah, não sei o que eu pensei...
-Sabe, eu te procurei no dia do show. Eu passei o show te procurando pra te conhecer.
-Sério? Eu estava no palco.
-Por isso não achei! hehe
Dois minutos de silêncio, e ele continua a falar
- E então o dia da fazenda
-Eu estava na cidade, andando com minhas primas quando um carro parou do lado perguntando por mim. Eles falaram que Carol tinha pedido pra eu ir pra Fazenda encontrar com ela. Eu fui. Mas, confesso que tava morrendo de medo quando me percebi, na estrada, em um carro que eu não conhecia ninguém, indo pra um lugar que eu não sabia onde... hahah
-Rs... quando vc chegou, eu tava na entrada te esperando. Não acreditei que você vinha... sabe, não sei se eu devia te contar isso, mas vou..
-Medo.. hahah
-Você lembra que eu fiquei tirando fotos suas?
-Hahaha, lógico que lembro. Eu fiquei muito brava com vc. A gente tinha acabado de se conhecer!
- Eu tinha essas fotos comigo sempre. Elas tavam no meu celular. Mesmo quando a gente perdeu contato e não se falava mais e eu pensei que nunca mais ai te ver. Eu olhava ela de vez em quando pra me lembrar de você...mas eu perdi elas quando meu celular caiu numa fogueira. Eu tentei salvar, mas não consegui.
Eu te amo, muito. Mais do que tudo.
- Nossa, to sem palavras, por essa eu não esperava....
Mais um espaço de tempo. Talvez pra pensar. E então, ela se lembra..
-Faz tempo né?
-É, já faz muito tempo...

O Msn marcou toda a minha adolescência, e eu me atrevo a dizer que marcou a minha vida também. "Fulano de tal chamou a sua atenção", ou os emoticons legais. "Quando chegar, entra no MSN", ou colocoar letras de músicas no subnick. Tinha aqueles que entravam e saiam sem parar, os emoticons.. é, foi um bom (ótimo!) tempo, e que com certeza, já deixou saudades.
#MSNday


Pin It

Overdose de Fofura

Se você é apaixonado por animais, ainda mais filhotes, não pode perder esses 6 minutos de amor:
 

Tem como não se derreter depois de ver uma coisa dessas?

Pin It

Um sentimento chamado final feliz


É um sentimento leve, que vem acompanhado de uma nostalgia de algo que nem faz tanto tempo assim. De uma vontade de viver de novo, mais uma vez, e outra, e mais uma, só pra nunca acabar. É uma felicidade mais feliz. Mas, esse sentimento tem um preço. É sempre um fim.
É o melhor sentimento que eu já senti. É uma espécie de missão cumprida. De "deu tudo certo". É uma vontade de querer tudo de novo. Pode ser de um livro, uma viagem, um filme,um sonho, uma época.
Todas as vezes que eu me deparei com esse sentimento, eu não soube explicar o que sentia. Eu só sabia sentir, e algumas vezes chorar de alegria.
A vida é engraçada. A gente vive presos em responsabilidades, que nós mesmos criamos, e nos vemos super ansiosos pra acabar, e quando acaba, a gente volta, e busca novas responsabilidades. Isso acontece por um motivo: A felicidade não está mo término, e sim no caminho.
Felicidade é o que acontece quando você come aquele doce que tanto gosta, ou abre um presente que não esperava receber. Felicidade é morrer de rir de nada. É conhecer pessoas novas, se divertir, e talvez deixa-las partir. Felicidade é o caminho. E é do caminho que você vai sentir falta.
O final feliz é a soma de toda a felicidade acumulada no meio do caminho. O final feliz é a certeza de que mais um ciclo se fechou, que valeu a pena, e muito. O final feliz é um desfecho e um novo começo. Um novo começo em que, de novo, você vai viver tudo de novo, mas diferente, porém com um mesmo objetivo: sempre atrás do final feliz.

Pin It

Você se considera criativo?




E você? Se considera criativo?

Pin It

Só os loucos sabem...

Hoje, acordei e recebi a triste notícia da morte do Chorão.
Não sou fã número um de Charlie Brown, mas com certeza, suas músicas marcaram uma época muito boa pra mim, meus 12, 13, 14 anos, e estava voltando com tudo no meu Ipod de um tempo pra cá.
São músicas que falam da vida, do amor, de valores.

E fica aqui minha pequena homenagem, em forma das suas próprias palavras, em uma das minhas músicas preferidas:



"Mas pra quem tem pensamento forte, o impossível é só questão de opinião..."


" A vida me ensinou a nunca desistir, nem ganhar nem perder, mas procurar evoluir. Podem me tirar tudo o que tenho, mas não podem me tirar as coisas boas que eu já fiz pra quem eu amo.."



Descansa em paz! #LutoChorão

Pin It

Mudanças


Se você visita sempre o "Ka com K", deve ter notado uma super diferença: Tudo novo.

Eu tenho aqui como um caderno de anotações, com milhares de rascunhos,coisas legais que eu acho por aí, passeios que eu faço e  pensamentos. E, estou numa fase de mudanças, logo, nada mais adequado do que dar uma repaginada aqui também!

Tirei um tempo pra reorganizar o blog e deixar ele com mais cara de site mesmo. Já tinha tentado antes, mas dessa vez deu realmente certo, e eu gostei!

Mas Ka, o que mudou?

  • Layout

Sim, eu gostava do meu fundo Vingtage e meu logo de Pin Up. Mas, achei que um novo Layout cairia bem pra uma nova fase. Consegui o Layout no blog da Julie de batom, lá tem outros modelos, dá uma olhada, e ela explica passo a passo de como aplicar no blogger :)


  • Facebook e Instagram
Apenas as minhas redes sociais favoritas agora ganharam espaço aqui! Preciso dizer algo mais? Corre na lateral e curte!

  • Marcadores
Organizei as postagens em 15 marcadores principais. Melhor do que criar mil marcadores que dizem praticamente a mesma coisa. 

  • Leitura
Quando escrevi o post dos meus livros preferidos (não leu? leia aqui), eu comentei que eu tinha outro Blog que falava só dos livros que eu lia e uma crítica positiva ou negativa. Resolvi juntar o outro Blog aqui, mas vou postar só a resenha dos livros que eu gostar, assim fica como sugestão de leitura também ;)


Por enquanto, vou continuar a escrever na minha frequência, mais ou menos duas ou três vezes na semana. Mas dependendo de como meu tempo deixar, eu escrevo mais (em épocas de projeto menos!)


E que venham todas as mudanças!

Pin It

Esquecer e aprender


Eu nunca pedi que ele entrasse na minha vida, e muito menos que eu sentisse tudo aquilo que eu sentia.
É engraçado o modo como as coisas fluem. Eu não sabia explicar o que eu sentia e por isso dei o nome de amor. Se era amor eu não sei, mas foi o mais próximo disso que eu consegui chegar.
Eu não vou dizer que não sinto falta: essa seria uma mentira imensa. Quando se sente algo assim, tudo é uma expectativa. Eu adorava sentir tudo aquilo. Ficar nervosa porque ia te ver, ou pelas coisas que você me dizia. Sinto saudades das nossas conversas aleatórias, dos nossos encontros, dos nossos sorvetes, das nossas tardes, dos nossos passeios a lugar nenhum, sinto saudade dos nossos.

Mas o tempo foi passando, e não é que eu consegui te esquecer?

Sim, eu ainda te amo, e sempre vou te amar um pouco. Mas não é mais aquele amor de antes, amor de doido, amor de paixão. O que eu sinto hoje é um amor grato. Agradeço por ter amado um cara fantástico, de coração enorme, que passou momentos maravilhosos comigo, mas acima de tudo, me ensinou algo que vou levar pro resto da minha vida: a amar a mim mesma.
Eu levo comigo só os dias bons. Deixei todo o sofrimento junto com o meu amor, no passado. E junto com toda a ilusão dos dias que não aconteceram. Mas tudo o que eu deixei, deixei em paz.Afinal, nunca me pertenceu. De que adianta amar sem ser amado?

A vida é assim. A gente erra e aprende todos os dias. Eu demorei muito pra aprender a esquecer, pra aceitar que eu precisava esquecer.

E agora? Bom, agora sou eu, vivendo um dia de cada vez de novo. E qualquer dia, vai aparecer um cara por acaso na minha vida, e eu vou sentir tudo isso de novo, e mais: ele também vai sentir tudo isso por mim. E nesse dia, mais uma vez eu vou olhar pra trás e agradecer o cara que eu conheci numa noite estrelada quando tinha 14 anos, por me ensinar o que é amor.
Sim, estou pronta pra recomeçar!

Texto dedicado ao meu eterno poeta

Pin It

Uma série de agradecimentos


Na minha opinião, nada na vida acontece por acaso. 

Não importa mais a forma como eu conheci cada um desses que estão na foto. O que importa é que cada um deles entrou na minha vida, mora no meu coração, e eu não tenho palavras pra agradecer os momentos que eu passei com cada um deles. 

Eu amo vocês, amo cada um de vocês, e quero que vocês continuem na minha vida por muito muito tempo. Muito obrigada por tudo mesmo! 

24/02/2013

Pin It