Cabelo liso ou cacheado?

E cá estou pra falar de novo da minha Juba. No carnaval, eu ia passar a maior parte do tempo em um lugar com piscina, e fui numa loja, comprei uns produtos de cabelo cacheado, e passei um tempo com meu cabelo natural. Pesquisei técnicas de como cuidar de cabelo cacheado, finalização, cremes, touca de cetim, entre outras coisas. Não vou mentir, recebi vários elogios, mas o tempo todo eu queria o meu cabelo liso. 

No começo, eu lavava o cabelo todos os dias. Quem tem cabelo cacheado sabe que só pode ser desembaraçado úmido ou molhado, pra evitar que o cabelo quebre. Mas meu cabelo que já é seco, ficou ainda mais seco, e não deve ser lavado todos os dias. Comecei a procurar outras alternativas, e achei melhor alternar dia sim dia não, e a diminuir meu uso de shampoo para uma vez na semana e aumentei meu uso de creme. Usei finalizador, creme de pentear, ativador de cachos, day after, umidificador. 

Mas talvez eu não tenha realmente pegado o jeito- ou a paixão- do negócio. Normalmente no dia seguinte, meu cabelo amanhece todo embaraçado, e haja braço pra desembaraçar. Usar rabo de cavalo só piora as coisas. E aí mais uma vez eu sinto falta da minha escova, que é muito mais simples do que o cotidiano de uma cacheada, que é uma guerreira pra vencer essa rotina. Os dias que eu dormi com coque abacaxi não dormi bem, e foi assim com os dias que tentei dormir com a touca de cetim também. 

Não quero voltar a usar formol, então progressiva está fora de cogitação, mas talvez por uns tempos o ideal pra mim seja procurar formas de diminuir o volume do meu cabelo, ou algo que me ajude a cuidar do meu cabelo. Aqui em São Paulo, minha mãe me ajuda e faz escova em mim, mas quando voltar pra Ouro Preto, eu preciso me virar sozinha, e pagar escova não está nos planos. Quando eu faço, a escova fica bem volumosa, e por isso acho que talvez uma selagem me ajudaria, e eu sentiria mais facilidade para cuidar quando eu usar meu cabelo cacheado. Também não faço relaxamento por nada. A Guarnidina acabou com meu cabelo uma vez, e eu não quero passar por um pesadelo desses de novo, como eu disse nesse post, em que contei tudo o que meu cabelo já viu. 

E eu continuo com a mesma opinião do último post. Não estou passando por uma transição, mas sim uma aceitação. Eu nasci com cabelo cacheado, mas eu gosto mais dele liso. E eu não considero isso errado. Alguns fazem plástica e mudam o nariz. Outros querem mudar a orelha. Outros mudam a cor do cabelo. Todo mundo tem algo que não gosta em si, mas aceita, pois sabe que é parte de você.

E é isso que eu penso: a minha essência sempre será de uma cacheada. E eu continuo admirando essas meninas que amam os cachos, gostam e lidam com eles. E eu vou lidando aos poucos, a minha maneira. 

E por hoje é só, um beijo e até a próxima!

Pin It

Um comentário:

  1. Cacheado sempre!
    Bj e fk c Deus.
    Nana
    http://nanaeosamigosvirtuais.blogspot.com

    ResponderExcluir

Oi, tudo bem? Espero que você tenha gostado da postagem. Poxa, você chegou até aqui, que tal deixar um comentário com a sua opinião? Mas seja sempre positivo, comentários ofensivos serão apagados ok?
Se tiver um blog, deixa o link que eu visito de volta :)

Ah, e volte sempre hein?

Ps: se possível deixe seu link assim: Ka com K =)